Tartarugas do Jardim Botânico ganham novo espaço
11/3/2008

O Lago das Tartarugas do Jardim Botânico, uma atração para crianças e adultos que visitam o parque, passou por reformas, foi ampliado e será reinaugurado no próximo dia 14, às 10h. Situado em frente à bilheteria e ao lado do Centro de Visitantes do Jardim, o lago recebeu novas plantas e dobrou de tamanho. Tudo isso para abrigar com mais conforto e segurança as 35 tartarugas, ou melhor, “cágados tigres- d'água”, que vivem ali. O cuidado com as crianças que observam os bichinhos também foi reforçado com a instalação de grades em torno do novo espaço.

Ao redor da área, que ocupa agora 180m2, foram instalados novos bancos e um piso de pedras para facilitar a circulação dos visitantes. Dentro do lago, foram colocadas espécies de plantas aquáticas e seu entorno recebeu vegetação adequada.Completam o espaço um tanque de areia com palmeiras, uma pequena fonte e uma placa interpretativa com fotos etexto em português/inglês identificando as espécies.

As primeiras tartarugas do Jardim foram abandonadas por visitantes no lago Frei Leandro. Como elas comiam as raízes das plantas aquáticas do lago, a administração do parque transferiu-as para o poço em frente ao Centro de Visitantes. Desde então, essa espécie exótica à fauna do Rio de Janeiro passou a ocupar um espaço que chama a atenção do público que chega ao Jardim.

Os visitantes são aconselhados a não tocar nas tartarugas, pois elas são hospedeiros naturais de bactérias como a Salmonella. Os cágados tigres-d'água são onívoros e se alimentam de vermes, frutas, peixes, plantas e de pequenos crustáceos. Os do Jardim Botânico recebem, diariamente, alimentação apropriada dos funcionários do Projeto Fauna, responsável pelos animais do parque.

 

 

 

 

 

volta à primeira página